Notícias

Fabiana da Silva embarca para Suíça neste domingo de olho na volta ao circuito mundial

Domingo, 28 de Fevereiro de 2021, 16h35
tecnologiabad
tecnologiabad
Após exatamente um ano sem participar de um torneio oficial, Fabiana da Silva voltará a competir no circuito internacional de badminton na próxima semana. A melhor atleta brasileira no ranking mundial da modalidade embarcou neste domingo, 28, rumo à Basel, na Suíça, para participar do YONEX SWISS OPEN 2021, competição do torneio Super 300 da Federação Mundial de Badminton (BWF). 

A adrenalina com a possível volta às competições esteve elevada nas últimas semanas já que até o início de fevereiro, Fabiana ocupava a 5ª posição na fila de espera entre os atletas aguardando classificação para o Aberto da Suíça.

Os jogos que ficaram parados durante quase um ano devido a pandemia do coronavírus, voltaram a ser realizados em janeiro com o Super 1000 da Tailândia, seguindo rigorosos protocolos de segurança.

Neste período, a atual medalha de bronze dos Jogos Pan Americanos de Lima esteve treinando em Portugal e desde que voltou ao Brasil, há pouco mais de dois meses, vinha se dedicando à rotina de treinos enquanto aguardava definição do calendário mundial e convocação. 

- É muito importante participar deste torneio e principalmente voltar ao ritmo de jogos. No início do ano passado eu estava bem acelerada saindo de uma competição e indo direto para o outra, estou feliz em voltar - celebrou Fabiana.



Jogos Olímpicos Tóquio 2021

Em relação às Olimpíadas de Tóquio previstas para ocorrerem entre julho e agosto deste ano, Fabiana, que atualmente ocupa a 65ª posição no Ranking Mundial representando a Seleção Brasileira na categoria individual feminina, precisará obter resultados positivos nos próximos jogos para seguir na corrida com uma maior folga.

O fato de entrar na chave principal do Aberto da Suíça já lhe garante muitos pontos no RM e a soma desta pontuação poderá ser usada para substituir resultados que tiveram baixas performances para a qualificação olímpica. 

- Neste momento, o mais importante é que Fabiana esteja competindo entre as chaves principais. O Aberto da Suíça permite que ela se distancie das adversárias diretas na América, como as peruanas e mexicanas, além das fortes europeias que defendem a Hungria e a Eslováquia - analisa o técnico da Seleção Brasileira e treinador direto da atleta, Marco Vasconcelos. 

Após o sorteio que definiu quem Fabiana enfrentaria neste primeiro embate, a dinamarquesa Mia Blichfeldt, Marco passou a estudar as atuações da oponente buscando identificar seus pontos fracos, afim de montar um trabalho tático junto a atleta brasileira e que permita melhorar o nível de badminton em quadra nas próximas semanas. 

- A minha adversária não será fácil, ela está numa boa fase pois já vem jogando nos torneios que estavam acontecendo na Thailandia, mas eu estou com uma boa expectativa. Pretendo ir longe e para isso darei o meu melhor - afirmou entusiasmada a atleta carioca.

Seguindo os protocolos e medidas protetivas devido a pandemia do Covid-19, Fabiana chegará na Suíça e aguardará alguns dias em regime de isolamento para poder retornar aos treinos junto ao técnico da Seleção Brasileira, Marco Vasconcelos.

A Confederação Brasileira de Badminton (CBBd) deseja boa sorte a ambos neste retorno!
Acompanhe nossas atualizações através deste site e das redes sociais e para ter acesso às notícias do torneio suíço, clique no link abaixo:




CBBd no Twitter

Últimas Notícias CBBd

Mais Notícias