Notícias

Brasil conquista hegemonia no pódio do Future Series

Segunda, 19 de Agosto de 2019, 13h09
Tecnologia da Comunicação/CBBd/HM
Tecnologia da Comunicação/CBBd/HM
Foi finalizado no final de semana, em Americana, São Paulo, o primeiro torneio internacional após os Jogos Panamericanos de Lima 2019. O Brasil Future Series teve suas finais no sábado, dia 17, no Sesi Americana e o domínio em quadra foi absoluto do Brasil, com a hegemonia dos medalhistas do Pan em todos os pódios.


Atletas de badminton de Brasil, Colômbia, Paraguai e Argentina competiram em mais um torneio do calendário 2019, evento sancionado pela Federação Mundial de Badminton (BWF) e Confederação Pan Americana de Badminton, sendo realizada pelo Confederação Brasileira de Badminton (CBBd).


Os jogos foram realizados nas modalidades Simples Masculino e Feminino Duplas Masculina, Feminina e Duplas Mistas, tendo como participantes 50 atletas que protagonizaram 85 games na primeira edição do Brasil Future Series.


Ainda na sexta-feira, na final das duplas masculinas, os irmãos Farias, Fabrício e Francielton Farias derrotaram os argentinos Nicolas Oliva e Santiago Otero, por duplo 21/15 e ficaram com o ouro. O bronze foi para a dupla brasileira Vinicius Gori e Enzo Sugiura e para os colombianos Daniel Borja e Miguel Quirama.


Na final das duplas femininas do Future Series do Brasil, Jaqueline Lima e Sâmia Lima enfrentaram outra dupla compatriota. Mariana Pedrol Freitas e Tamires Santos não conseguiram desbancar as colegas brasileiras e fecharam com 2 games a 0,  com parciais de 21/15 e 21/13. O bronze acabou com as colombianas Laura Valentina Londono e Cristina Ramirez e com as brasileiras Paloma Eduarda Da Silva e Eloa Souza.


Nas duplas mistas o pódio foi todo do Brasil. Ouro para Fabrício Farias e Jaqueline Lima, que fizeram 21/17 e 21/16 para cima de Artur Silva Pomoceno e Sâmia Lima. Bronze para as duplas Izak Batalha e Tamires Santos e Mateus Carrijo Cutti e Mariana Pedrol Freitas.


No individual feminino, Fabiana Silva venceu Jaqueline Lima, por 2 sets a 1, parciais do 21/11, 19/21 e 21/18. Os bronzes ficaram com Sâmia Lima e Paloma Eduarda Da Silva, fechando as finais do dia com mais um pódio totalmente brasileiro na competição.


Pelo individual masculino, Artur Silva Pomoceno e Donnians Oliveira decidiram o ouro. Artur Pomoceno sagrou-se o campeão. A final brasileira durou 46 minutos. O primeiro set foi de Artur Pomoceno, que abriu a partida com um 21 a 16 para cima do adversário. A segunda parcial foi bem mais dura para ambos. Donnians Oliveira mostrou reação vencendo por 23 a 21 o segundo game, forçando a realização do terceiro set, onde Donnians Oliveira marcou nove pontos e foi dominado por Artur Pomoceno, Ouro na final. Waleson Vinicios Evangeli Santos e Vinicius Gori já garantiram o bronze.



O padrão adotado pela Confederação Brasileira de Badminton (CBBd), em eventos que realiza no Brasil, sendo dotada de estrutura de corpo médico e de fisioterapia destinada ao pronto atendimento dos atletas, bem como toda uma equipe disposta a atuar na logística do campeonato.


Links Relacionados (Clique nos links para visualizá-los) :

<

CBBd no Twitter

Últimas Notícias CBBd

Mais Notícias