Notícias

Arbitragem brasileira é destaque nos Jogos Panamericanos Lima 2019

Terça, 06 de Agosto de 2019, 09h27
tecnologiabad
tecnologiabad
O Badminton Brasil tem sido brindado nos últimos anos com ineditismo e transposições históricas de avanço e crescimento e nos Jogos Panamericanos não foi diferente. Além das conquistas dos atletas, a arbitragem brasileira mostrou seu enorme talento em quadra com dois nomes de seus quadros. Pablo Schoeffel e Alécson Maia representaram o país do mais importante eventos desportivo do continente, na edição de Lima 2019.

Todo esse avança tem-se notado após as determinantes mudanças na arbitragem brasileira após a criação da Comissão Nacional de Arbitragem (CNA), orgão muito importante e que vem realizando um excelente trabalho dos árbitros brasileiros, também no Pan.

Pablo Schoeffel


"Estou muito feliz em participar de um evento tão importante e grandioso como os Jogos Panamericanos. De alguma forma, estar aqui como oficial técnico também me dá a sensação de estar representando meu país. E isso também mostra a evolução do Badminton brasileiro, não só dentro de quadra mas também na arbitragem. Agradeço à Cbbd e CNA pelas oportunidades a mim proporcionadas, que me permitiram chegar até esse momento. Espero fazer o meu papel à altura, assim como estão fazendo nossos atletas." disse Pablo Schoeffel, que é Árbitro Nacional desde 2009, Juiz de Linha Internacional desde 2014, Juiz de Linha BWF desde 2016 e Áribtro acreditado Panam desde 2017.

Alécson Maia

"Gostaria de expressar minha felicidade e gratidão por representar o Brasil, em especial a arbitragem brasileira, nos Jogos Panamericanos Lima 2019. Foi um longo caminho desde a formação como árbitro nacional até participar deste que é um dos maiores eventos esportivos do mundo. Agradeço a minha família, amigos, aos meus tutores e coordenadores, e a CBBd, que sempre contribuíram e apoiaram minha carreira. Estou muito feliz por estar aqui, pois considero mais uma conquista para o badminton brasileiro. Por fim agradeço a CNA pelo apoio e incentivo neste processo, investindo no treinamento e capacitação dos árbitros brasileiros em torneios nacionais e internacionais, o que reflete no crescimento e na qualidade da arbitragem brasileira", finaliza Alécson Maia, que é Árbitro Nacional desde 2009, Árbitro Pan Americano Acreditado desde 2013, Juiz de Linha Internacional desde 2013 e Árbitro Pan Americano Certificado desde 2015

<

CBBd no Twitter

Últimas Notícias CBBd

Mais Notícias