Histórico do Parabadminton


     O Badminton para atletas com deficiência foi reconhecido em 1995 com a criação da Associação Internacional de Badminton para os Deficientes (IBAD). Em 2009, o nome da organização foi alterado para Federação Mundial de Para-Badminton (PBWF). Em 2011, foi totalmente integrada na Federação Mundial de Badminton (BWF).


     A integração do Parabadminton na BWF foi um passo chave para tornar-se um esporte Paralímpico. Outras ações-chave na oferta bem-sucedida para a inclusão Paralímpica foram:


          • fortalecimento da progressão da participação e dos percursos do talento

          • racionalização das classes funcionais das doze originais para seis

          • consolidação do programa antidoping

          • elevação do perfil do Parabadminton através de uma série de vídeos promocionais com os atletas


     Como resultado, o esporte é reconhecido pelo Comitê Paralímpico Internacional (COI) e foi incluído no programa de esporte Paralímpico começando com as Paralimpíadas de Tóquio 2020.


     Processo de inclusão do Parabadminton


     2008 - BWF coloca o Parabadminton como uma prioridade.


     2009 - BWF licita ao IPC para os Jogos Paraolímpicos Rio 2016.


     2010 - BWF torna-se uma Organização Internacional Reconhecida pelo IPC - INTERNATIONAL PARALYMPIC COMMITTEE


     2011 - O Parabadminton está integrado a BWF e um aumento significativo no financiamento e uma abordagem clara e estratégica foi feita


     2012 - O Parabadminton está integrado no Plano Estratégico da BWF - 2012 - 2016 e uma nova estrutura de classificação foi produzida


     2013 - Regulamentos gerais da competição para o Parabadminton acordados


     2013 - IPC confirma critérios / processo para seleção de esportes de 2020


     2014 - BWF submete proposta ao IPC


     2014 - IPC seleciona Parabadminton para 2020


CBBd no Twitter

Últimas Notícias CBBd

Mais Notícias